Educador do mês: Professora Juliana Nascimento

A Educadora do Mês do Colégio Almeida Júnior é apaixonada por números. Ela é a professora Juliana Nascimento, que leciona Matemática para as turmas do Ensino Fundamental II.

Formada no início de 2003 em Licenciatura em Matemática pela Universidade Federal de São Carlos (Ufscar), a professora Juliana afirma que gosta muito de estudar. Por esse motivo nunca parou de se atualizar: fez Especialização em Ensino de Matemática e Mestrado, ambos na Unicamp; participou de um projeto de Formadores de Matemática do Grupo Mathema em 2014 e 2015, iniciou MBA em Educação na USP-ESALQ em 2018 e atualmente está cursando Metodologias Ativas e Personalizadas de Aprendizagem da FATEC – Itu. Atuando como docente desde o ano da graduação, ela afirma que “a forma de aprender das crianças e adolescentes vem mudando rapidamente no decorrer dos anos. eles são cada vez mais questionadores sobre as aplicabilidades das ferramentas que estão aprendendo e não aceitam qualquer resposta (ainda bem!). Eles têm uma infinidade de informações disponíveis na internet e que podem acessar a qualquer momento de seus dispositivos eletrônicos, então o desafio de quem ensina é indicar boas fontes, auxiliar na organização dessas informações, responder ou fazer mais pergunta sobre suas dúvidas e construir o conhecimento ao lado deles. A matemática é uma modalidade que exige entrega. Esse processo de ida e volta das informações é importante e vem se tornando imprescindível para a atual e as futuras gerações, pois mais que decorar algoritmos e fórmulas ou resolver equações, os alunos devem ser desafiados, estimulados a interpretar, questionar e inferir sobre os resultados”, explica a professora.

Sobre as atividades que deseja realizar no Colégio ainda este ano, Juliana Nascimento afirma que para este final de ano sugeriu, para alunos de 8º e 9º anos uma atividade em grupo em que eles tiveram liberdade de escolher o tema, o recurso matemático que seria desenvolvido e a forma de apresentação das informações. “É a primeira vez que faço essa proposta – conta a Professora Juliana – que se aproxima um pouco de Aprendizagem Baseada em Problemas, exige ampla dedicação das duas partes e um movimento de ida e volta constante, estou animada e esperando uma entrega com boas surpresas. Para o 7º ano teremos como atividade final o Desafio Master Chef, que vai além do preparo de quitutes deliciosos, envolve pesquisa de preços, compra, divisão de gastos e tarefas, cálculos para venda e obtenção de lucros, etc…”, explica a professora.

Sempre empenhada em oferecer o melhor aos seus alunos, a Professora Juliana conta que, como docente, teve oportunidade de participar da elaboração de projetos no Colégio e lembra uma experiência que aconteceu em 2012. “Oferecemos oficinas voltadas à orientação do uso consciente do dinheiro do cofrinho e da mesada. Durante as oficinas notamos, a coordenadora Luciana e eu, que os alunos tinham perguntas que exigiam mais profundidade e tempo do que os encontros poderiam oferecer. Nasceu daí a disciplina Matemática Financeira, que faz parte da grade do 7º ano desde 2014. Ela foi implantada na escola sem a adoção de um material didático pronto e com uma liberdade que me permitiu inovar, organizar os conteúdos e atingir objetivos voltados para a educação financeira de acordo com os temas de interesse dos alunos. A cada ano, trabalhamos com conceitos de renda, classes sociais, diferenciação entre querer e precisar, dinheiro, quando é necessário trocar algum item por outro novo, compra à vista ou a prazo, lucro etc, aplicando em projetos sociais e/ou de sustentabilidade e de criação de um pequeno negócio de alimento, culminando no Desafio Master Chef”, relembra a docente.

E, das experiências que presenciou no campo da Educação, Juliana afirma que a mais significativa que teve foi exatamente a de trabalhar com a disciplina de Matemática Financeira, com um direcionamento para a educação financeira.

Sobre os pontos positivos de trabalhar no Colégio Almeida Júnior, a Educadora do Mês aponta, em sua visão que “o Colégio Almeida Júnior dá liberdade e suporte para que seus professores trabalhem de forma a contribuir com o desenvolvimento das crianças e dos adolescentes em todas as suas potencialidades, ética e moralmente corretos e com profundidade de conteúdo. Nada é feito ao acaso ou superficialmente porque nessa escola se acredita verdadeiramente na educação e no ser humano”, conclui a Professora Juliana Nascimento.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *